quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Dilma e PT querem evitar protestos durante a Copa do Mundo


Dilma Rousseff e PT estão com receio das consequências de possíveis protestos durante a Copa do Mundo. O partido tem medo de que as manifestações afetem a campanha das Eleições 2014.

Logo no início de fevereiro, José Eduardo Cardozo, ministro da Justiça, fará uma reunião com secretários de Segurança dos estados que receberão os jogos. O objetivo do encontro será firmar um protocolo de atuação policial nas manifestações. O governo quer evitar atos de repressão violentos, o que prejudicaria a propaganda partidária.

Nos bastidores do Planalto, há a certeza de que no período do torneio os protestos serão acentuados.

Neste sábado, 25, por exemplo, estão previstos 36 protestos contra a Copa.


Nenhum comentário:

Comente!

Tecnologia do Blogger · Desenvolvido por Seo Blogger Templates